Loading...

terça-feira, 31 de março de 2009

Non Possiamo Tacere (tradução 'mais' que livre do livro)

“combati o bom combate,
terminei a minha carreira,
conservei a fé...
superando todas as dificuldades,
de sofrimento e de incompreensão
fui um homem incômodo para muitos,
porque falei sempre sem meios termos,
porque nunca suportei a falsidade,
a hipocrisia,
os compromissos de quem desejava fazer-se um deus
à sua medida
fui perseguido de tantas maneiras...
é verdade que a dor,
seja física, seja espiritual,
acompanhou-me sempre...
os sofrimentos do momento presente
não se comparam à glória futura
esta foi uma das certezas mais fortes de toda a minha vida
como bem sabeis, nunca tive um belo caráter,
pelo contrário, às vezes,
com alguns dos meus colaboradores
levantei a voz,
eu fui um instrumento,
um meio...
isto, caros amigos, é o segredo da minha vida...
de quem é chamado e mandado a anunciar
uma verdade que não é sua
e que nunca lhe poderá pertencer
esta foi uma das experiências mais profundas que vivi
e que me permitiu lutar, sofrer e morrer
com uma liberdade de coração
que me vinha desta humilde certeza
só quem ama pode ter energia suficiente para correr em direção à vida...
só por amor se pode consumar a vida,
se pode perder a vida, se pode oferecer a vida...
tudo acabará, mas quem ama nunca passará”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

外人デイム

Minha foto
nagano, Japan
é um esforço inútil reprimir sentimentos e desejos dentro da gente... parece que essas coisas aí são as energias que nos matêm vivos